quinta-feira, junho 27, 2019
Home » Linux » Teste de Velocidade no CentOS \ RHEL

Teste de Velocidade no CentOS \ RHEL

Testes de velocidades são bastante utilizados para testes básicos de medição de banda de internet, porém em desktops ou servidores onde não há a interface gráfica e somente Shell de comando, o teste torna-se limitado.

Neste artigo abordaremos como instalar um SpeedTest em um sistema operacional CentOs \ RHEL

Passo 1

Instalação do Python. Digite o comando yum abaixo:

$sudo yum install python

Passo 2

Download do Speedtest_cli.py
Digite o comando wget abaixo para realizar o download do instalador do Speedtest_cli

$ sudo wget -O speedtest-cli https://raw.githubusercontent.com/sivel/speedtest-cli/master/speedtest.py

Aplique a permissão de execução do arquivo

$ sudo chmod +x speedtest-cli

Passo 3

Testar a velocidade da internet.
Execute o comando abaixo

$python speedtest-cli

Teste de Velocidade no CentOS
Teste utilizando o comando python speedtest-cli

Para realizar testes com valores em Bytes ao invés de bits digite o comando abaixo:

$python speedtest-cli –bytes

Teste de Velocidade no CentOS
Teste utilizando o comando python speedtest-cli –bytes

Para gerar uma versão gráfica do teste realizado, digite o comando abaixo

$python speedtest-cli –share

Teste utilizando o comando python speedtest-cli --share
Teste utilizando o comando python speedtest-cli –share

Para visualizar o resultado, copie a URL e cole em seu navegador

Visualização do teste no navegador
Visualização do teste no navegador

Aprenda mais sobre comandos Linux

Gostou desta dica? Então clique no banner acima e ajude o site a crescer!

Comente conosco seu ponto de vista. Acompanhe também nossas outras dicas do mundo Linux . Deixe seu e-mail ao lado para receber as novidades e se você tiver outras dicas do pinguim ou áreas tecnológicas, compartilhe conosco mandando seu artigo

Sobre Renato Bettinassi

Renato Bettinassi atua como líder técnico de Command Center, focado em tecnologia Microsoft e com grande interesse em Linux.

Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário